PF investiga fraude no programa Farmácia Popular em Goiás

IMG-20200716-WA0015

Ao todo, são cumpridos 18 mandados de busca e apreensão em GO, MT, PR e DF. Prejuízo causado pelas fraudes é de R$ 10 milhões

Polícia Federal (PF) realiza, na manhã desta quarta-feira (23), operação contra uma organização criminosa suspeita de fraudes no programa Farmácia Popular, do Ministério da Saúde. Denominada Abutre, a ação contra com o cumprimento de 18 mandados de busca e apreensão em Goiás, Mato Grosso, Paraná e no Distrito Federal (DF). Prejuízo estimado é de R$ 10 milhões.

Segundo expõe a corporação, as investigações apontaram que o grupo adquiriu fundos de comércio de farmácias mediante sucessão societária fraudulenta, encerrando as atividades comerciais na sequência.

Posteriormente, o grupo promovia lançamentos inexistentes (vendas efetivamente não efetuadas e dispensação de medicamentos) no banco de dados do Farmácia Popular, a fim de desviar valores do referido programa federal.

Ao menos R$ 10 milhões teriam sido desviados do programa criado com o objetivo de oferecer mais uma alternativa de acesso da população aos medicamentos considerados essenciais.

Os mandados de busca e apreensão são realizados em Luziânia (GO) (14), Brasília (1), Nova Cantu (PR) (1) e Confresa (MT) (2). Cerca de 70 policiais federais estão envolvidos na operação.

https://www.emaisgoias.com.br/wp-content/uploads/2020/09/WhatsApp-Video-2020-09-23-at-08.47.14.mp4?_=1

Fonte de Notícias: https://www.emaisgoias.com.br

Diário da RIDE “A notícia tem dois lados mas uma só verdade”





Comentários no Facebook