Bolas de lama surgem em praias de Peruíbe e intrigam moradores; vídeo

IMG-20200716-WA0015

O secretário do Meio Ambiente da cidade, Eduardo Ribas, explicou que o fenômeno nada mais é do que lama negra envolta em areia

O aparecimento de centenas de bolas na faixa de areia da praia de Peruíbe, litoral de São Paulo, deixou moradores da região intrigados. Neste fim de semana, fotos da praia circularam por grupos de WhatsApp e repercutiram em redes sociais. Os principais questionamentos da população buscam explicação sobre o que seria e o que poderia ter causado o fenômeno.

“Cara, estava correndo quando vi essas coisas na areia. Pensei que fossem ovos de algum bicho… sei lá”, contou o técnico em TI, Gilberto Rodon. “Um amigo teve a coragem de mexer lá. ‘É lama’. Aí, a gente ficou mais tranquilo”, continuou.

A guia de turismo Yarima Ferreira ficou surpresa quando percebeu as bolas na areia. “Foi uma aparição inusitada. Nunca aconteceu de aparecer bolas como nesta ocasião. Nos últimos meses, tem só a aparição normal de lama na orla, mas não dessa forma”, disse.

Yarima explicou que a cidade tem muitos mangues e que enfrenta chuvas frequentes. “As águas dos rios acabam trazendo os sedimentos para o mar. E existe um bolsão de lama em alto-mar, que na última quinta, com o mar revolto, pela passagem do ciclone, acabou trazendo ainda mais sedimentos para a costa”, explicou.

A justificativa das misteriosas bolas foi confirmada pela Prefeitura de Peruíbe. O secretário do Meio Ambiente da cidade, Eduardo Ribas, explicou que o fenômeno nada mais é do que lama negra envolta em areia.

Bolas de lama surgem em praias de Peruíbe e intrigam moradores; vídeo

Bolas de lama surgem em praias de Peruíbe e intrigam moradores (Foto: Reprodução / Vídeo)

O gestor disse ainda que os bolsões ficam localizados a 80 metros da praia e que, quando o mar fica revolto, ocorre um “efeito liquidificador” que eleva a lama. A lama suspensa e em movimento, ao tocar na areia resulta nessas bolas, acrescentou.

A bióloga Gemany Rosa, do Instituto Biopesca e moradora de Peruíbe, reiterou que as bolas são um fenômeno normal. “Após ressacas fortes, é comum aparecerem estas bolotas de lama e areia”, disse.

Fonte de Notícias: https://www.emaisgoias.com.br

Diário da RIDE “A notícia tem dois lados mas uma só verdade”





Comentários no Facebook